• (51) 3221-9565 / (51) 3279-6595 / (51) 99214-9690

  • Facebook Instagram

Quantidade Ideal de Pasta

Crianças menores de 6 anos devem usar o equivalente a um grão de arroz, para evitar que engulam durante a escovação. Já as maiores de 6 anos e adultos, basta o tamanho de uma ervilha.

Carregar sua escova como em um comercial não irá garantir uma limpeza melhor, só irá gastar mais pasta e formar mais espuma, dificultando a escovação.

Como escolher a melhor pasta de dente?

 

“Dentes brancos e hálito puro”. Esta é uma das expressões mais usadas nos comerciais de pasta de dente, incentivando o público a consumir uma determinada marca. Mas afinal, qual a importância dela na limpeza dos dentes? Como escolher a pasta mais adequada entre tantas opções oferecidas pelo mercado?

O creme dental quando aplicado corretamente com a escova, limpa os dentes, remove a placa bacteriana, confere polimento às superfícies e restaurações dentais e, de quebra, combate o mau hálito. É preciso escovar os dentes bem e fazer do creme dental um aliado, assim o resultado será o mais benéfico.

Hoje, as alternativas em cremes e géis dentais disponíveis nas prateleiras são inúmeras, mas a melhor orientação de qual será o produto indicado vem do dentista. É ele quem vai dizer qual pasta agrega os principais componentes para atender as necessidades do paciente

Confira algumas dicas para auxiliar na escolha:

Para adultos: o creme dental deve conter flúor. Estudo recente concluiu que, para a dentição permanente, apenas os cremes dentais que contêm 1000 ou mais PPM (partes por milhão) de fluoreto são efetivos na prevenção de cárie.

Para dentes sensíveis: à base de potássio, estrôncio ou arginina, ele forma depósitos que impedem que estímulos como calor, frio e ar cheguem à polpa do dente e provoquem dor.

Para branquear os dentes: o efeito do creme branqueador é bastante discreto. O mais recomendado são os tratamentos feitos em consultório para clarear os dentes. Em geral mais abrasivo, o creme branqueador pode aumentar a sensibilidade, porque remove uma pequena camada do esmalte, que protege a dentina (parte interna do dente).

Quanto usar?

Não é necessário cobrir todas as cerdas da escova com creme dental. Basta uma pequena camada da largura das cerdas para obter os benefícios do produto.

Qualquer dúvida, marque uma visita na Odontologia Integrada RS!

Adaptado de DentalPress

Pasta para clarear dentes limpa só superfície do esmalte.

3549591910_26d4c7b288
O desejo por uma boca perfeita com dentes sem manchas tem aumentado nos últimos anos. Muito dessa procura deve-se, principalmente, aos avanços tecnológicos que oferecem resultados satisfatórios, com uso de produtos que vão desde pastas caseiras a tratamentos mais elaborados. A maior parte das pastas, no entanto, limpa a superfície do esmalte, dando a sensação de dentes mais claros. Todas devem ser utilizadas sob orientação do profissional.
Sabe-se que esse tipo de produto é apenas um auxílio para a remoção das manchas, por ter baixa concentração de peróxido de hidrogênio, substância que clareia os dentes, e pelo curto tempo de contato com a superfície do dente. Há também as pastas com sílica hidratada, carbonato de cálcio e óxido de alumínio. Seja lá qual for, o profissional deve acompanhar o tratamento, porque elas podem provocar desgaste no esmalte e causar, inclusive, amarelamento no futuro.
O conhecido clareamento caseiro, apesar de ser feito pelo próprio paciente em casa, é supervisionado do começo ao fim por um dentista, que faz um molde especial para cada pessoa, denominado moldeira, onde é depositado o gel que envolve o dente. O profissional orienta sobre a aplicação do produto e o tempo de permanência, e acompanha o andamento do tratamento.Este tipo de tratamento proporciona um clareamento mais uniforme, e produzir resultados mais estáveis e duradouros.
Agende sua avaliação!

×
Olá! Como podemos ajudá-lo?
Entre em contato diretamente pelo WhatsApp clicando no botão abaixo ou pelo (51) 99214-9690.