• (51) 3221-9565 / (51) 3279-6595 / (51) 99214-9690

  • Facebook Instagram

tratamento de canal

Você também associa tratamento de canal à dor? Então, leia este artigo e entenda como a evolução das técnicas e materiais, contribuiu para que dor se tornasse coisa do passado no tão temido tratamento de canal.

Antes de tudo, vamos entender um pouco melhor o que é um tratamento de canal e quando ele é necessário. Dentes fraturados ou traumatizados que ficaram lesionados, necrosados ou os casos de cáries profundas provocam uma inflamação irreversível na polpa dentária, um tecido composto por nervos, vasos sanguíneo, etc. que se encontra no interior do dente (canal radicular). O estado inflamatório avança de tal maneira que a polpa dentária perde sua capacidade de defesa/ recuperação e as bactérias começam a invadir essa parte do dente, provocando uma infecção que pode inclusive se expandir para a zona óssea que envolve o dente e provocar abcessos.

Estes casos são acompanhados de dores intensas, prolongadas e a remoção completa do tecido pulpar se torna necessária. A remoção deste tecido e o preenchimento do canal radicular com material restaurador é o tratamento endodôntico, ou tratamento de canal.

No passado este tratamento era todo manual, as medicações eram diferentes e as limas, que são os instrumentais utilizados para a remoção do tecido, eram fabricadas em materiais menos eficientes. Por isso o tratamento precisava de várias consultas e era bastante doloroso.

Porém, com a evolução das técnicas e materiais, hoje aqui na Odontologia Integrada RS usamos o que há de mais moderno e eficaz para o tratamento de canal. Com isso tanto as dores provocadas pelos antigos métodos quanto o tempo de tratamento foram sensivelmente reduzidos. Com a endodontia mecanizada passamos a fazer uso de um motor e limas especiais para que a remoção do tecido contaminado seja maior e mais rápida. Em alguns casos o tratamento de canal pode, inclusive, ser todo realizado em uma única consulta.

Casos mais complexos também foram beneficiados pela tecnologia. Com o microscópio operatório, é mais fácil e eficiente a localização de canais e a solução de situações mais difíceis.

Além disso, aqui na Odontologia Integrada RS também adotamos a prática do isolamento absoluto para garantir que bactérias da saliva e superfície bucal não contaminem o canal assim como que as bactérias removidas do canal dentário também não contaminem a superfície bucal.

Utilizamos o localizador apical, que de uma forma bem simples serve para medir o dente, garantir que todo o canal foi adequadamente limpo e evitar que fiquem espaços sem o preenchimento do material restaurador que poderia conter resquícios de bactérias. Além disso, o localizador apical evita uma radiografia, o que diminui a exposição a radiação.

Porém, existem etapas do tratamento de canal nas quais a radiografia é indispensável. E nestas situações nós evoluímos para o RX Digital que controla e diminui significativamente a exposição a radiação. Afinal, eficiência também precisa combinar com segurança.

Em resumo, o que causa dor são as bactérias que invadem o canal radicular e a endodontia motorizada torna a remoção destas bactérias mais rápidas, previsíveis, efetivas e o melhor, com quase nada de dor.

Porém, é importante ressaltar também que a endodontia mecanizada e seus benefícios não estão disponíveis em todas as clínicas e consultórios dentários. Então, antes de tomar uma decisão baseada em preço, avalia como o procedimento será realizado, qual o tempo de tratamento, se o isolamento total é realizado e se o profissional que realizará seu atendimento é Especialista em Endodontia.

Aqui na Odontologia Integrada RS a Dra. Carla Pederiva é Especialista em Endodontia e experiente no tratamento de canal com as técnicas de Endodontia Mecanizada. Se você tem medo de tratamento de canal ou precisa de uma avaliação, agende sua avaliação e mude seus conceitos sobre este procedimento. Fale conosco pelo Whats 99214-9690!

 

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

pt_BRPortuguese (Brazil)
pt_BRPortuguese (Brazil)